segunda-feira, 7 de maio de 2012

Lideranças localizadas…


Deles, podemos dizer que são dois vencedores do poder localizado...
Cresceram como líderes, em  freguesias e Terras menorizadas durante gerações pelo centralismo e arrogância figueirenses. Fizeram da exploração dessa fraqueza a alavanca dos seus sucessos eleitorais.
Ambos se especializaram numa retórica primária, usando as identidades locais com aparente entusiasmo, muita demagogia  e alguma subtileza.
José Elísio, percebeu que a dimensão política da sua freguesia e a sua identidade histórica própria poderia ser um dos pilares das suas reinvindicações. Carlos Simão entendeu que a manipulação da rivalidade local seria a lógica ideal para aplicar na relação com o eleitorado.
O povo elege-os e não quer saber do que fizeram ou fazem para continuarem a ganhar.
Outra característica, esta em  comum e, porventura,  a mais interessante, para a reflexão em torno do que eles consubstanciam e representam no fenónemo político que se instalou em Portugal, após Abril de 1974, está no facto de ninguém lhes conhecer nas respectivas  “ilhas” de influência, sucedâneos à altura dos feitos passados, ou tão-só do carisma do presente.
À volta do autarca de Lavos, gravitam figuras cinzentas, perfeitamente adaptadas à imagem de marca de José Elísio – “Ou vai, ou racha”!... Em redor de Carlos Simão, pululam figuras folclóricas para compor o ramalhete, sem voz nem vontade próprias, o que é o ideal para a estratégica pessoal do chefe.
Não sei, de todo, se esta incapacidade de criar legados de liderança, é a matriz do traço cultural de Lavos e da Cova-Gala, ou uma consequência da mudança de paradigma ocorrida em Portugal desde 1974….
Sei, isso sim, que é urgente que chegue ao poder uma nova  geração de lideres...
E não só em Lavos e na Cova-Gala….
Isto, a meu ver, é urgente em todo o País…

 Fonte:Outra Margem

Sem comentários:

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Coloque o seu email, aqui, e terá as actualizações do Blog no seu email

Copyright © 2008 Blog dos Carvalhais [TM]. All Rights Reserved